Cine-Teatro de Fafe

A construção do teatro foi uma iniciativa de José Summavielle Soares em 1923.

Foi inaugurado em 10 de Janeiro de 1924 com peça de teatro O Grande Amor, pela Companhia Aura Abranches.

A partir dos anos 30 do século XX foi basicamente um local de exibição de cinema.

Com o passar do tempo, o edifício foi-se degradando e deixou de ter condições para a exibição cinematográfica, pelo que foi encerrado ao público em 1981, por determinação da Direcção Geral de Espectáculos, por ameaçar ruína.

A Câmara Municipal de Fafe adquiriu o imóvel em 2001 por 2,5 milhões de euros sendo adjudicada a sua recuperação por 4,1 milhões de euros.

Actualmente é uma sala de espectáculos com capacidade para 400 lugares (plateia e camarotes), salão nobre e uma sala de cinema com 150 lugares. Reabriu no dia 25 de Abril de 2009.

Está classificado como Imóvel de Interesse Público desde 19 de Fevereiro de 2002.

A compra do imóvel está envolta em algum mistério e o processo foi muito falado em Fafe. A compra do edifício por parte da CM Fafe foi ligada às eleições e o preço do imóvel nunca foi alvo duma avaliação, sendo que as vozes críticas dizem que o preço pago foi muito acima do valor real do imóvel.

Foi realizada uma recolha de assinaturas junto da população a fim de forçar a compra do imóvel, sendo que também esta recolha de assinatura é criticada por algumas vozes por supostamente ter sido motivada por uma das partes interessadas na venda do imóvel.

 

 

 

 

 

http://teatrocinefafe.blogspot.pt/